Mamonas Assassinas

Bois Don't Cry

Mamonas Assassinas

  • Composição: Dinho, Bento Hinoto, Samuel Reoli, Sérgio Reoli e Júlio Rasec
  • Álbum: Mamonas Assassinas
  • Lançamento: 1995
  • Gravadora: EMI-Odeon

  • Esta não é a obra original do(a) artista. É uma produção criada por terceiros para fins de treino e prática.

Backing Track

Enviado por Tonalidade Instrumentos presentes Formato
Rafa Mesalia A Baixo, Bateria, Sopro, Teclado MP3, 320 Kbps Enviar BT

LETRA

Ser corno ou não ser, Eis a minha indagação sem você vivo sofrendo pelos boteco bebendo arrumando confusão Você é muito formosa tão bonita e carinhosa do jeito que eu sempre quis Minha coisinha gostosa dá aos pobres é bondosa sou corno mas sou feliz Soy um hombre conformado escuto a voz do coração sou um corno apaixonado sei que já fui chifrado mas o que vale é tesão E na cama quando inflama por outro nome me chama mas tem fácil explicação: O meu nome é Dejair "facinho" de confundir com João do Caminhão Vejam só como é que é a ingratidão de uma mulher ela é o meu tesouro nós fomos feitos um pro outro Ela é uma vaca, eu sou um touro Vejam só como é que é a ingratidão de uma mulher ela é o meu tesouro nós fomos feitos um pro outro Ela é uma vaca, eu sou um touro Ela é uma vaca, eu sou um touro Ela é uma vaaaaaaaaaaaca, eu sou um touroooo

Mais tocadas dos Mamonas Assassinas